quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Capítulo 18 (Penúltimo capítulo)

- Se dependesse de mim eu ficava assim, abraçado a você para sempre. – falei sem a mínima vontade de soltá-la.
Ela me olhou e sorriu.
- Mas eu tinha pensado em fazer outra coisa além de abraçar... – ela falou piscando para mim.
- Que pouca vergonha! Pensando em safadeza...
- Eu? – ela me empurrou e eu cai sentado no sofá – Claro que sim!
Ela parou na minha frente e abriu o Hobby, ela vestia uma camisola clara, de renda. Na verdade eu vi muito pouco a camisola, em um único movimento ela retirou-a e ficou completamente nua, C-O-M-P-L-E-T-A-M-E-N-T-E.
Vislumbrei-a, ela tinha a pele morena e macia, o corpo era perfeitamente definido e torneado na medida certa. Ela deu alguns passos para frente e abaixou o rosto para beijar-me, eu permanecia sentado no sofá. Ela sentou-se no meu colo, os nossos beijos foram ficando cada vez mais quentes. Deitei-a no sofá e percorri toda a extensão do seu corpo com beijos e mordidinhas leves. A peguei no colo e nos encaminhei ao quarto.
Eu sentia um misto de felicidade, desejo e prazer. Nossos corpos nus se remexiam inicialmente em ritmo lento e controlado, e depois o ritmo foi ficando frenético rápido e quente. Naquele momento não havia cobranças e nem frustrações. Havia apenas dois corpos selando o encontro de duas almas.
Estávamos novamente ali, repetindo a mesma situação. Vanessa estava deitada sobre o meu peito, completamente nu.  Levantei e estendi a mão para ela.
- Vem, vamos tomar banho?
- Oh, que proposta indecente! – ela fez uma voz sarcástica.
- Você está deitada na minha cama completamente nua e ainda acha indecente o meu convite para o banho? Foi isso que eu entendi?
- Exatamente. – ela gargalhou enquanto levantava da cama. – Vamos...
Foi inegavelmente o melhor banho da minha vida. A água escorrendo por entre os nossos corpos, enquanto trocávamos amassos quentes embaixo do chuveiro.
Já eram quase 06h30 da manhã, o horário não me preocupava em nada já que era um sábado. Adormecemos com os cabelos ainda molhados.
Acordei com o sol batendo fortemente em meu rosto, eu havia esquecido a janela aberta. Eu não acredito nisso. Ela não estava mais ali. Vanessa havia ido embora. Eu já deveria saber isso, ela sempre faz isso. Sempre. Já deveriam ser mais de 10h. Encontrei sobre o travesseiro que ela dormiu uma folha de papel. Abri, era de Vanessa.

Querido Zac,
Antes de tudo eu quero te falar duas coisas, a primeira é que eu te amo. Amo, como nunca amei ninguém. A segunda é que eu queria te agradecer, porque você me deu os melhores momentos da minha vida.
Lembre-se disso ao ler essa carta.
Desculpe-me, mas não tive coragem de te falar pessoalmente.
Bem, como você já suspeitava eu realmente te escondi algo. Eu não cheguei até o jornal por méritos próprios, na verdade eu só estou lá por sua causa.
Há alguns meses eu recebi uma proposta um tanto quanto estranha e controversa, mas que me pareceu valer a pena já que me faria crescer profissionalmente. Ashley Tisdale, esse nome te diz alguma coisa? É exatamente quem você está pensando, sua ex-namorada, ou sei lá o que, como você deve saber ela atualmente é casada com o nosso chefe, mas ela ainda é extremamente apaixonada por você e ao que tudo indica parece que você a magoou muito no passado. Durante um evento social que participamos ela cismou comigo, até que então ela me fez a seguinte proposta:
Eu me aproximaria de você, faria você se apaixonar e depois te largaria e então faria você sofrer tudo o que ela passou. Em troca ela me arrumaria um cargo no jornal. Trabalhar em um jornal como esse sempre fora o meu sonho. Eu analisei diversas possibilidades, e ela me falou exatamente o que eu deveria fazer, eu só não poderia imaginar que eu me apaixonaria perdidamente por você.
Eu sei que você não vai conseguir me perdoar. A nossa relação começou baseada em uma mentira e vai acabar agora com a revelação da verdade.
Eu já encaminhei a minha demissão e devolvi o apartamento, vou me mudar da cidade no inicio da semana, se algum dia a gente se esbarrar por ai de novo saiba que em nenhum momento eu quis te magoar, eu só queria uma oportunidade e tenho a perfeita noção da idiotice que fiz. Se eu pudesse eu voltaria no tempo, e faria com que nos conhecêssemos em outro momento, onde pudéssemos ser apenas eu e você.
Eu estou me sentindo um lixo pelo que fiz com você, se um dia puder me perdoar eu vou estar te esperando.
Eu te amo. Mais do que eu imaginei ser possível.
Vanessa Anne Hudgens.

******************************************************
Olá pessoal!!
Aqui está o penúltimo um capítulo pra vocês... E com o penúltimo capítulo está o grande segredo da Vanessa!!
Obrigada pelos comentários meninas!!! 
Hoje se encerraram as votações e amanhã vocês verão oficialmente qual será a próxima fic e também a sinopse dela!!
Beijoos e até qlqr hora!!!

3 comentários:

  1. :O Não imaginei uma coisa dessas!
    Quero o último capítulo!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Mds
    Vc me surpreendeu,nunca pensei q seria isso :o
    Perfeito o cap

    ResponderExcluir
  3. mais uma vez você acabou com o meu pobre coração
    então esse era o segredo da Vanessa...tadinho do Zac ;(
    mesmo assim espero que ele a perdoe e que fiquem juntos
    você não pode deixá-los separados,ouviu?!
    amei o capítulo♥♥♥
    posta mais,kisses

    ResponderExcluir